Doença que provoca movimentos involuntários acomete 65 mil brasileiros

Ao notar tiques e outros movimentos involuntários, é comum associar o sintoma a doença de Parkinson. Mas há um leque de distúrbios neurológicos que também são responsáveis por alterar as funções motoras, entre eles, a distonia, condição que já atinge 4 em cada 100 mil pessoas no Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde. 

Caracterizada por gerar movimentos complexos, bruscos e involuntários dos membros (braços, pernas, tronco, pescoço, entre outros) bem como espasmos, tremores e piscadas repetidas dos olhos, a distonia é evolutiva, impactando ao longo do seu desenvolvimento a reali